15 de jul de 2011

Negar a si mesmo! É sério isso?

por Mateus Goethel Cesimbra




Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, NEGUE-SE a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me; Mateus 16:24


Quando é falado em negar algo, somos levados a pensar que se trata de algo ruim, que não nos faz bem ou que não é licito. Porém quem gostaria de negar o que faz "bem", e que além de tudo nos mantém em uma situação de comodidade?

Essa é a situação que muitas pessoas vivem. Não negam aquilo que lhes propiciam conforto, a fim de estender a mão a quem de fato necessita. Vemos pessoas vivendo abaixo da linha da miséria literalmente, e ao mesmo tempo, vemos tantas outras que se esbaldam nas suas mais doces luxurias. Uns com tanto, e outros com nada.

Quando Jesus diz: "Negue-se a si mesmo”, não significa que devemos largar tudo que temos e deixar todas as coisas para trás. Mas sim, que devemos largar nosso orgulho, nossa cobiça, nossa falta de solidariedade e amor ao próximo. Ele diz para segui-lo, e para que esse fato torne-se real, não temos que estar enfiados dentro de um templo, mas sim que sejamos um templo de amor e humanidade. 

Jesus pregou VIDA, e VIDA em ABUNDÂNCIA! Viver como Cristo nos ensina na sua Palavra, significa não sermos seres individuais, mas sim pessoas que vivem como irmãos. Um defendendo o outro, um socorrendo o outro, um amando ao outro. Esses gestos fazem com que nossa vida tenha abundância de GRAÇA e MISERICÓRDIA.

Sendo assim, NEGAR-SE A SI MESMO, e SEGUIR A CRISTO, significa o simples fato de não "olharmos somente para o nosso umbigo", e sim, nos lembrar que estamos cercados de outras pessoas que também anseiam por um socorro, e principalmente conhecer a verdade que sara e que salva... JESUS!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Qual a sua opinião sobre este artigo? Comente a vontade!