23 de out de 2011

Jovem assediada no metrô ataca quadro do 'Zorra Total'




A jovem que acusa um advogado de 46 anos de tê-la atacado sexualmente em um trem no metrô de São Paulo, no último dia 14, diz que acha um desrespeito o quadro do humorístico "Zorra Total", da TV Globo, que faz piada com o empurra-empurra no metrô.

A informação é da reportagem de Laura Capriglione e Olívia Florência publicada na edição deste domingo da Folha.

"Só quem já sentiu na pele a humilhação de ter um sujeito se esfregando contra o seu corpo sabe a tristeza que é. Tem gente que acha engraçado, mas eu, se eu pudesse, tirava [o quadro] do ar", disse, em depoimento à Folha.

No texto, a jovem conta que o assédio do advogado começou assim que ela entrou no vagão lotado e ele se encostou em seu corpo. Ao olhar para trás e ver o pênis do advogado para fora da calça, a jovem desmaiou.

Ela diz que continua usando o metrô, mas com medo --olha para trás o tempo todo e se algum homem fica atrás, sai de onde está.





Comentário Viver da Graça, por Mateus G. Cesimbra:

Bem queridos leitores, que o Brasil é uma terra de festas e homens lascivos em determinada parte, não é novidade nenhuma. Nosso pais é conhecido lá fora como o paraíso para os tarados de plantão... mulheres fáceis, e bem atribuídas.

Mas nós bem sabemos que esmagadora maioria das mulheres são pessoas de respeito que repudiam tais atos. Porém a toda poderosa rede Globo continua vendendo tal imagem mundo a fora.

Os tarados estão em todo lugar, e por seus impulsos totalmente malignos, saem nas ruas infernizando a vida de pessoas de bem, mulheres trabalhadoras, estudantes e mães. A mente destes crápulas é pior do que qualquer chiqueiro, e o pior de tudo é que tem quem suje mais ainda tais mentes depravadas... ai esta este fato para comprovar o que digo.

A mídia simplesmente mascara o que ela quer como humor e lança nos lares dos Brasileiros. Além das mentes depravadas, muitas crianças também assistem estes programas, e ai eu pergunto: Que tipo de pessoas a toda poderosa Rede Globo quer formar colocando esta programação imunda que eles chamam de humor para as crianças verem?

A poucos dias o humorista Rafinha Bastos do CQC foi tirado do ar pela Band devido a piada de mal gosto envolvendo a "cantora" Wanessa. A piada dele com certeza foi muito infeliz, e nem vou me prender a tal fato. O castigo que a emissora o deu foi justo, mas porque uns merecem castigo e toda essa falação na mídia e outros não? Na minha opinião o que o Zorra da Globo faz é bem pior e muito mais escrachado do que o CQC. Seria porque Rafinha fez piada com alguém digamos mais influente? Será que o fato ocorrido com a moça desta notícia terá a mesma repercussão pelos sites e programas de tv? Acredito que não!

É hora do brasileiro dizer não ao lixo que contamina os lares e as mentes! Usemos nossas cabeças não só para penteados, mas para pensar um pouco.

2 comentários:

  1. Eles vendem a ideia de que toda a mulher deve ser vagabunda, esta é a ideia deles. Jé se tem uma cultura sexual totalmente depravada neste pais e ainda é reforçada por esta campanha que a Rede Globo faz de vagabundagem. Esta emissora quer levar ao povo tudo aquilo que é lamentável, não bastando a campanha "seja gay" das novelas da mesma, agora temos que ver a campanha "não se de ao respeito"
    O pior que até emissoras que são de donos que se dizem "Cristãos" isso acontece, ou a Record é diferente? Claro que não.

    ResponderExcluir
  2. MAS APOSTO QUE SE A GLOBO BOTASSE UM PROGRAMA EVANGÉLICO, COMO ELA PRETENDE FAZER O ANO QUE VEM, E IPOTETICAMENTE FOSSE NO ORARIO DA ZORRA TOTAL, COITADO DO APRESENTADOR, IA SER CHICOTIADO PELOS "CRENTES" POR ESTAR NUMA EMISSORA IMPIA. AI SE EU FOSSE O APRESENTADOR EU IA MANDAR COLOCAR DE NOVO O PROGRAMA IMORAL PRA AS FAMILIAS SEREM DESTRUIDAS, E IA MANDAR ESSES CRENTES TBM SÓ TRABLHAR EM EMPRESAS CRISTÃS.

    PODE GUARDAR ESSE COMENTÁRIO Q É O QUE VAI ACONTECER COM O APRESENTADOR Q FIZER O PROGRA EVANGÉLICO PROMETIDO PELA GLOBO O ANO QUE VEM

    ResponderExcluir

Qual a sua opinião sobre este artigo? Comente a vontade!